Página inicial > Notícias > Comunidade da Enseada da Baleia

Comunidade da Enseada da Baleia

quarta-feira 16 de setembro de 2015

Comunidade

A Comunidade da Enseada da Baleia situa-se no Parque Estadual da Ilha do Cardoso, seu acesso é feito exclusivamente de barco. As relações Comunitárias são feitas para reuniões, decisões, festas comunitárias, trabalhos de artesanato, construção em forma de mutirão. Não temos associação formalizada, mas estamos nos organizando para isso, existem lideranças que puxam as ações que defendem os interesses coletivos.
Com relação à origem da Comunidade, ela existe a mais de 150 anos, de famílias tradicionais da região que se agruparam em função da pesca.
Em 2010, com a perda do líder comunitário e outras que vieram na sequência, a escassez do peixe e outras dificuldades encontradas fizeram com que o peixe seco e a mercearia não fosse mais a geração de renda para a comunidade. Então, os problemas financeiros e a falta de atividade fizeram com que muitas pessoas da comunidade, principalmente os jovens, fossem embora em busca de trabalho.

Grupo de Mulheres

Então, as mulheres se juntaram pra trabalhar com artesanato de corte e costura para união e ocupação das mulheres, o trabalho foi trazendo resultados e a geração de renda foi dando certo. A auto-estima e a vontade de aprender e crescer também aumentaram, nos fazendo procurar parcerias para o crescimento do grupo.
Por não ter energia elétrica, o produto era confeccionado em máquina de pedal, é passado peça a peça na boca do fogão, hoje o Luz para Todos chegou na comunidade com placas solares, que possibilitam um melhor acabamento em máquinas elétricas, a peça é reparada, colocada a arte da pesca ou bordado ou tingimento, que embelezam ou trazem a realidade local.

Parcerias

Conseguirmos, dentro da Comunidade, um espaço de produção e de comercialização dos produtos, com a parceria da Prefeitura Municipal de Cananéia, que nos autorizou o uso do prédio de uma escola desativada. A Fundação Florestal que nos autorizou a reforma de um espaço que estava sem uso, entramos na Associação Rede Cananéia em 2011, trazendo para o grupo a capacitação e a estrutura para dar mais qualidade às peças, comunicação, visibilidade.
As parcerias com grupos de mulheres (SOF “Sempre Viva Organização Feminista” e AMESOL “Associação de Mulheres da Economia Solidária”) fizeram o grupo das mulheres crescerem muito, conhecendo outras realidades, valorizando o trabalho coletivo e economia solidária, valorizando o trabalho da mulher, trazendo, com isso, resultados importantes para dentro do grupo.
O Projeto Rede de Empreendedorismo Comunitário Cananéia, patrocinado pela Petrobrás, através da Associação Rede Cananéia, empoderou o grupo, fazendo aumentar a comercialização e a capacidade de trabalho, deu oportunidade de melhorar as peças e aumentou a criatividade do grupo.

Gestão do Trabalho

A gestão do trabalho é feita de forma compartilhada, com divisão de responsabilidades, cada um tem uma função dentro do grupo, respeitando sempre o que cada uma gosta de fazer. Cada peça passa pela mão de várias artesãs, trazendo resultados coletivos, a administração do trabalho e financeira é compartilhada e aberta ao grupo.

Comercialização

Em 2014 comercializamos 4000 peças, confeccionadas ou estampadas para o Projeto Rede de Empreendedorismo Comunitário Cananéia, esse trabalho trouxe para o grupo, auto-estima e valorização e organização para confecção em grande escala.
Apresentação do produto e do grupo em feiras e eventos dentro e fora do Estado.
Um espaço de comercialização dentro da Comunidade para venda dos turistas que frequentam ou nos visitam, turismo de base comunitária que vem vivenciar nossa realidade.
Em Cananéia estamos no Quiosque 03 na Rua do Artesão, Praça da Tiduca, Centro da Cidade, buscando parcerias para divulgação e venda de produtos, estamos com a gestão compartilhada com mais dois grupos (Sabores da Roça do Rio Branco com produtos da agricultura familiar, e Grupo Cheiro do Mato do Itapitangui com cosméticos à base de ervas medicinais).
Temos uma pagina no facebook e um blog que nos ajudam na comercialização.
(https://www.facebook.com/MulheresArtesasDaEnseadaDaBaleia.
Um blog: http://enseadadabaleia.blogspot.com.br/

Oficinas

Já tivemos várias oficinas desde acabamento, com assessoria com design, para uso de máquinas mais potentes, de melhoria dos trabalhos que já fazíamos como pintura e bordado e consideramos como grande resultado do trabalho, uma oficina que aconteceu em 2014 na comunidade, onde, pela primeira vez, conseguimos trazer mais mulheres das comunidades vizinhas para capacitação, no total foram 25 mulheres do Pontal de Leste, Ariri, Barra do Ararapira e Vila Rápida. A oficina aplicada foi de corte e costura, cada uma pôde costurar sua própria peça, para aprendermos a fazer camisetas.

Turismo

O turismo na comunidade acontece no período de Natal e Ano Novo, o que dificulta a renda e venda dos produtos. Estamos iniciando o trabalho de turismo comunitário para que ele seja mais constante e possa vivenciar o trabalho e cultura da comunidade.

Peixe seco

A comunidade retorna o trabalho de resgate cultural do peixe seco, com patrocínio do projeto PROAC – Programa de Ação Cultural do Governo do Estado de São Paulo, eles reiniciam o trabalho, agora de forma compartilhada, com divisão de lucro e auto gestão.

Marisco Perna a perna

Além desses trabalhos a comunidade inicia, após teste, a criação de mariscos perna a perna com a proposta de gerar renda e alimento à comunidade, sem extrair da natureza, melhorando o meio ambiente, a fauna local e trazendo alimento a todos, inclusive ao visitante, que pode saborear o produto fresco e produzido na comunidade.
Passamos por diversas dificuldades e qualquer iniciativa que englobe toda comunidade no projeto coletivo nos fortalece no trabalho e na vida.

Contatos do grupo:
Email: enseadadabaleia@gmail.com
Tel.: 13 996308061/13 38513740


Rua Antonio Colaço de Souza, 120
Carijo - Cananéia / SP
Telefone: (13) 3851-1201
e M w C B